Os voluntários podem ser homens gays ou bissexuais cisgêneros e homens ou mulheres transexuais que tenham entre 18 e 60 anos de idade.

*Matéria publicada originalmente dia 05 de dezembro de 2020


No ano em que se tornou indiscutível a importância de vacinas, a Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP) busca voluntários brasileiros para testar uma vacina contra o HIV, sigla em inglês do vírus da imunodeficiência humana.

Podem se voluntariar homens gays ou bissexuais cisgêneros e homens ou mulheres transexuais entre 18 e 60 anos. Quem tiver interesse pode entrar em contato pelo Instagram, Programa de Educação Comunitária da USP, ou pelo e-mail agendamento.estudo@gmail.com.

Imagem Ilustrativa


A iniciativa faz parte do estudo Mosaico, uma colaboração entre instituições de vários países que já está em processo há 5 anos. Atualmente a pesquisa encontrasse aprovada nas fases pré-clínica animal, 1 e 2 em humanos. Sendo positiva a resposta dos que já foram vacinados, eles conseguiram produzir anticorpos e imunidade contra o vírus.