Na última sexta-feira, dia 08, uma mulher suspeita de se passar por policial e advogada foi presa no município de Itabaianinha, no Sul de Sergipe.

A Polícia Civil tem conhecimento de três ocasiões em que a mulher se passou por advogada e policial civil.

“Pelo menos em dois momentos distintos ela se identificou como policial civil se utilizando de um simulacro de arma de fogo e uma carteira funcional falsa, inclusive, se apropriado de um aparelho celular de uma vítima, fazendo uma espécie de apreensão do aparelho. Em um outro episódio ela teria se identificado no conselho tutelar como advogada e nessa situação fornecido um número fictício de OAB”, informou o delegado responsável, Edson Nixon.

A Polícia Civil já instaurou inquérito para apurar o caso, outras situações semelhantes e se a suspeita se favoreceu do exercício ilegal dessas profissões.

A mulher que foi presa é residente do município onde o caso foi registrado.