O anúncio da morte foi feito pelo próprio padre Fábio, em suas redes sociais.

“Minha mãe partiu hoje. Logo cedo, como quem tem pressa de viver a eternidade. A mim resta a dor térrea, o ferimento que rasga o corpo e a alma”.

Foi assim que o Padre Fábio de Melo comunicou a morte de sua mãe, a Dona Ana Maria de Melo Silvaocorrida hoje, 27, em decorrência do coronavírus.

Ela faleceu aos 83 anos e estava internada tratando a doença desde o último dia 15, em um hospital particular de Uberlândia (MG).

Dona Ana chegou a tomar a primeira dose da vacina contra o coronavírus, no dia 4 de março, mas segundo relato do filho, ela havia sido infectada dias antes.

“Ela me deu a vida num Sábado de Ramos, como hoje. Nossa simbiose reuniu as regras do nascer e do morrer. Obrigado, minha dona Ana! Só Deus e nós sabemos o quanto fomos um do outro. Uma pertença que me fez sofrer, sorrir, amar, aprender, conjugar todos os verbos que tornaram válida a aventura de nossa existência”, complementou o Padre Fábio.