O primeiro teste com o árbitro de vídeo no futebol sergipano aconteceu com sucesso. No último domingo, 28, no jogo entre Itabaiana e Dorense, pela 6ª rodada do Sergipão 2021, o VAR foi testado de forma off-line pela primeira vez em Sergipe. Por se tratar de um projeto piloto, a Fifa, entidade máxima do futebol, exige que a primeira utilização da tecnologia seja feita sem interferência direta na partida.

Segundo o presidente da Comissão de Arbitragem de Sergipe, Edmo Oliveira, o objetivo é trazer o VAR para as partidas do Campeonato Sergipano ainda em 2021.

“Por se tratar de um projeto piloto, a Fifa nos exige que seja feito de forma off-line. No entanto, a ideia é que a gente tenha esse recurso no nosso campeonato na atual temporada. Talvez num clássico entre Sergipe e Confiança ou então nas fases finais”, disse ele em entrevista para a TV Itnet.

Ainda sobre o uso do árbitro de vídeo no atual Sergipano, ele disse que a viabilização é possível pelo barateamento da ferramenta. “Quando o VAR chegou no Brasil, eram equipamentos muito caros, o custeio era muito alto. Agora, com valores mais acessíveis e com esse teste acontecendo, o nosso projeto é trazer a tecnologia para todas as partidas do campeonato no próximo ano”, completou.

Como funcionou

Sergipana, a árbitra Thayslane de Melo Costa (FIFA) foi a responsável por comandar o VAR em Itabaiana. As imagens, geradas pela it TV Plus, iam direto para o Rio de Janeiro. Na sede da CBF, dentro de uma cabine, a equipe recebia o sinal e fazia a comunicação com a árbitra sergipana.

“A Thayslane, em uma cabine aqui em Itabaiana, trabalhou diretamente com o pessoal que está na CBF. Foi feito um relato de tudo que acontecesse no jogo e passado em tempo real entre a cabine daqui de Sergipe e a cabine no Rio de Janeiro”, disse ele.

Todos esses relatos, no entanto, não foram utilizados pelo juiz da partida. A comunicação foi apenas entre as cabines do VAR.

“As dúvidas que surgirem durante o jogo serão analisadas, mas não serão trazidas para campo. Serão usadas apenas como experimento para que na próxima partida já possa estar totalmente credenciados. Para isso serve o teste, para deixar tudo alinhado. Assim a gente sabe o que precisa melhorar e o que não precisa pra que a gente atinja o padrão Fifa”, explicou Edmo.

No Rio de Janeiro, a cabine foi composta por:
Árbitra de vídeo – Rejane Caetano (FIFA-RJ)
Auxiliar do VAR – Lilian Bruno (Master – RJ)
Operador VAR – Claucus Baesso
Técnico VAR – Gabriel Gomes
Operador de VAR – Cláudio Soares
Quality Manager – Lucas Almeida

Importância da it TV Plus

Realizando a cobertura completa do Campeonato Sergipano 2021, a it TV Plus, através da TV Itnet, foi participante primordial durante o teste. Não foi apenas a responsável pela geração de todas as imagens que foram usadas e analisadas pelas equipes do VAR, como também pela conexão de internet, através da Itnet Telecom.

“É uma inovação. A it TV está de parabéns, são imagens com muita qualidade. Isso é um orgulho para nós sergipanos, ter uma televisão com qualidade e que nos permita trabalhar dessa forma. O envio dessas imagens, que vai direto para o Rio de Janeiro, é a prova da qualidade e eficiência do trabalho de vocês”, elogiou o presidente Edmo Oliveira.

Confira imagens do VAR do jogo entre Itabaiana e Dorense:

Assine a it TV Plus

O primeiro teste com o árbitro de vídeo em Sergipe teve participação primordial da it TV Plus. Uma cobertura completa, que permite você torcedor assistir de onde quer que esteja. Independente de ser pelo celular, tablet, computador ou pela Smart TV, o aplicativo e o site da it TV acompanharão você. O pacote custa apenas R$39,90 e, além Sergipão 2021, te concede mais de 80 canais! Não sabe como assinar? É só clicar aqui e seguir o passo a passo.