Diferente do fim de semana passado, neste, o toque de recolher será das 20 às 05h, assim como na semana.

O governador de Sergipe anunciou ontem, 31, a prorrogação, por mais sete dias, do toque de recolher no estado, sendo todos os dias, das 20 às 05h; no fim de semana passado, o toque iniciava mais cedo, às 18h.

Uma mudança anunciada por Belivaldo foi que os templos de atividades religiosas poderão ter atividades TODOS OS DIAS da semana, desde que respeitando o horário do toque de recolher e a ocupação tem que ser 30% da capacidade máxima.

Também permanecem as seguintes medidas restritivas:

-Fechamento das praias, shoppings, centro comercial, bares e restaurantes no sábado, 03, e domingo, 04;

-Restrição para a quantidade de pessoas em estabelecimentos de serviço não essencial, como restaurantes, salões de beleza e os próprios templos religiosos, permanecendo 30%;

-Supermercados poderão funcionar até as 19h;

-Os serviços de delivery de bares e restaurantes estão mantidos;

-Trabalho em home office para servidores públicos de serviços não essenciais até 07 de abril;

-No fim de semana, não poderão funcionar os serviços não essenciais, incluindo comércio em geral e academias.

SEXTA FEIRA DA PAIXÃO:

-Fica vedado o funcionamento de atividades não essenciais e especiais (incluindo bares e restaurantes), bem como a circulação de pessoas em praias, parques aquáticos e similares.

-As aulas presenciais nas escolas, para o ensino fundamental e médio continuam suspensas e devem ocorrer de maneira online (até 03/05). A suspensão também se aplica agora aos cursos preparatórios para concurso, cursos de idiomas e outros semelhantes. A educação infantil continua liberada.

As medidas anunciadas serão aplicadas até 07 de abril, quando Belivaldo se reunirá novamente com o Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais (Ctcae).

Confira aqui quais os serviços considerados essenciais pelo Governo de Sergipe.